andreo fischer

Você pode ter dinheiro para receber do Estado e não sabe

Todos nós, todos os dias, pagamos nossos ricos impostos e o nosso suado dinheirinho quase que não retorna, né? E se eu te contar uma novidade? O governo do Rio Grande do Sul está com um programa chamado ‘Receita Certa’, que é parte de outra iniciativa que se chama Nota Fiscal Gaúcha.

Funciona assim: a cada três meses você gasta no comércio de produtos (serviços não valem) e coloca seu CPF na nota. Lembra quando o balconista pergunta pelo seu documento e você balança a cabeça para os lados? Pois está perdendo uma chance de faturar um extra!

Passados 90 dias, todas as suas notas fiscais passam por um cálculo, e parte dos tributos pagos (aqui falamos do ICMS), deixam de entrar para os cofres do governo e vão procurar um novo destino: o seu Pix.

Na prática, a ideia é premiar o bom contribuinte e reduzir a sonegação, já que o CPF estará presente em cada documento fiscal. Programas como este já estão disponíveis há mais tempo no Estado de São Paulo e também aqui no Sul, no Paraná.

No caso do RS, os pagamentos sempre são feitos através de conta bancária no Banrisul ou via Pix. O Estado sempre pede no mínimo 30 dias para fazer o depósito, levando-se em conta questões burocráticas que todo governo enfrenta.

Eu tenho direito de receber o total de R$ 80,91, não é muito, mas é melhor do que um zero à esquerda na conta.

Volto outro dia com mais dicas!

 

PASSO A PASSO

: Cadastre-se: https://nfg.sefaz.rs.gov.br/site/index.aspx

Inclua seu CPF em todas as compras que fizer

Volte a este mesmo site em torno de três meses e veja quanto você tem a receber.

 

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Emocore Rave

Expansionismo genético Votem no clichê sagrado Em edição americana Sempre haverá uma Salém Ossos no fundo do poço Carne new wave Emocore rave Para o mal Para o bem.

Leia mais »