o parto da notícia

Vail, de Anabel e Dilamar para o bandeiraço do Marco Alba

Vail e Paulinho com as bandeiras do 15 de Marco Alba, agora há pouco, em frente ao comitê central

Notícia não engravida.

O Parto da Notícia traz as fofocas dos bastidores da política, para você anotar e depois nos cobrar.

 

A imagem não tem muita nitidez, mas a polêmica é bem visível.

O ex-vereador Vail Correa (PSD) abraçado ao vereador mais votado da cidade, Paulinho da Farmácia (PMDB), agora há pouco na parada 75 em bandeiraço pela reeleição de Marco Alba (PMDB).

Para quem não sabe, o filho do falecido ex-prefeito Ely Correa fez 556 concorrendo à Câmara pelo PSD, partido que coligou com Anabel Lorenzi (PSB) e indicou Dilamar Soares como vice.

Em 6 de janeiro o Seguinte: noticiou café da manhã onde Vail aparecia como um sorridente anfitrião ao lado de Anabel, Dilamar e o coordenador da campanha da socialista, Luis Stumpf.

“Anabel e Dilamar seguram Vail”, foi a manchete.

Como sempre, criticada pelos que não conhecem – e também por muitos que conhecem – os bastidores da política da aldeia e propagavam que estava tudo bem. 

Não estava.

Agora a noite mostra que o vereador por 12 anos é mais uma dissidência de peso do PSD na campanha de Anabel, após a saída do candidato a prefeito Levi Melo e seus quase 20 mil votos, do vereador mais votado da oposição e segundo na cidade Dimas Costa, e dos candidatos a vereador Zete Blehm (838) e Alberto Rebelato (563).

Vail não atendeu o celular.

Amanhã, mais informações sobre a polêmica, que mostra que na política entre o riso e lágrima há apenas o nariz.

 

LEIA TAMBÉM

Anabel e Dilamar seguram Vail

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade