cidade acolhedora

Cachoeirinha é destaque nacional em boas práticas de serviços ao migrante

Cartilha com orientações recebeu o Selo Migracidades, reconhecido pela ACNUR-ONU e Organização Internacional para as Migrações

Cachoeirinha apresentou nacionalmente o guia desenvolvido para levar informações e orientações aos migrantes que escolheram a cidade para se estabelecer, no evento de Compartilhamento de Boas Práticas dos Governos Certificados pela Plataforma MigraCidades. 

O município é uma das 22 cidades brasileiras reconhecidas com o Selo Migracidades em razão das ações desenvolvidas. A certificação é reconhecida pela ACNUR-ONU e Organização Internacional para as Migrações (OIM).

A coordenadora de Proteção Social Especial, Simone Moraes, que apresentou o guia elaborado em conjunto com a Diretoria de Comunicação Social da Prefeitura de Cachoeirinha, explica que o material deverá ter duas novas versões: em espanhol e francês.

A secretária de Assistência Social, Cidadania e Habitação, Cristiana Mesquita, acrescenta que será elaborada a lei que institui a Política Municipal de Acolhimento a Refugiados e Imigrantes de Cachoeirinha e que a pasta trabalha para criar o Centro de Referência do Imigrante.

Cachoeirinha participou em 2018 do processo de interiorização de imigrantes em parceria com o Governo Federal.

– Foi uma ação que nos exigiu muito trabalho e que ganhou visibilidade internacional junto a ACNUR-ONU – lembrou o prefeito Miki Breier, ao lembrar que, desde então, a cidade criou o Serviço Especializado ao Migrante ampliando ainda o atendimento aos haitianos, senegaleses, colombianos e demais imigrantes.

– Cachoeirinha é uma cidade acolhedora – completa o prefeito.

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade