cachoeirinha

Após 30 anos, acordo para moradores não perderem casas na Granja Esperança

Acordo resolve demanda histórica e prevê o pagamento dos imóveis com um desconto da metade do valor da propriedade e parcelamento aos moradores

A chuva não assustou os moradores do bairro Granja Esperança que participaram de assembleia, na noite desta quarta, na praça da Juventude, que consolidou o acordo para a compra das casas no bairro Granja e a regularização do bairro com a Habitasul, Prefeitura e Governo do Estado.

O impasse envolvendo as residências já durava mais de três décadas.

Pelo acordo, os moradores poderão comprar os imóveis aonde vivem desconto de 50%, pagando 10% do valor do imóvel de entrada (que poderá ser parcelado em até 12 meses) e financiando o restante do saldo em até 15 anos, com juros de 6% ao ano.

O secretário de Assistência Social, Cidadania e Habitação, Valdir Mattos disse que toda a equipe técnica do setor de regularização fundiária esteve à disposição dos moradores da Granja durante todo o processo.

– Estamos há mais de um ano nos reunindo e buscando uma alternativa que fosse justa aos moradores. Paralelamente, a Prefeitura fez um estudo socioeconômico da população enquadrando a área no Reurb, assim os moradores terão seus processos desburocratizados – explicou.

Além do Reurb, o secretário lembrou que “o setor de regularização fundiária esteve junto com os advogados da comissão de moradores e participou de todas as reuniões do Cejus – Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania para a resolução do impasse”.

Para o secretário de Obras e Habitação do Estado, José Stédile, que é ex-prefeito de Cachoeirinha, foi uma vitória marcada pela união.

– Só estamos comemorando este acordo porque nos mantivemos unidos. Várias vezes recebi a comissão de moradores na secretaria e eu dizia, vocês não podem afrouxar na negociação, devem seguir fortes. O usucapião não era a melhor alternativa, porque ele só é possível quando o morador não entra na justiça.

O prefeito Miki Breier comemorou:

– Todos estão de parabéns. É um dia de alegria. Sempre defendemos a regularização porque é através dela que se pode requerer os serviços de infraestrutura, por exemplo, que vão proporcionar mais qualidade de vida. Parabéns aos moradores que entenderam que precisavam se manter unidos para alcançar a vitória.

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade