granpal

Pauta de prefeitos da região tem consórcio de transporte coletivo, hospitais, pedágios, estiagem e South Summit

Com a presença de prefeitos, como os exercício em Gravataí, Dr. Levi, e Cachoeirinha, Maurício Medeiros, vice-prefeitos e representantes, a Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Porto Alegre (Granpal) realizou sua Assembleia Geral Ordinária nesta quinta-feira. Foi a primeira reunião na nova sede da entidade, que fica no Instituto Caldeira. Mobilidade, saúde, pedágios e inovação foram os principais temas discutidos no encontro.

A recente reunião entre a Granpal e o governo do Estado para discutir questões de mobilidade urbana foi a primeira pauta. O presidente e prefeito de Porto Alegre Sebastião Melo destacou que o problema é antigo, passando por diversos governos sem qualquer solução prática. 

– Precisamos criar um Consórcio para melhorar o transporte coletivo da Região Metropolitana. Além disso, essa discussão precisa ser levada a todos os próximos candidatos ao governo, para que apresentem propostas concretas aos municípios – afirmou. 

A aprovação no Senado do PL 4.392/2021, que prevê a destinação de R$ 5 bilhões para subsidiar a gratuidade de maiores de 65 anos no transporte coletivo,  também foi avaliada. Melo esteve em Brasília nos dias que antecederam a votação e foi um dos principais interlocutores dos prefeitos de Capitais durante as negociações. 

– A Granpal teve uma participação importante nas discussões e o projeto foi aprovado por unanimidade. Agora, segue para a Câmara Federal. Esse assunto é um problema de todos e, se aprovado, será uma vitória muito importante para todo o Brasil – ressaltou.

A instalação de uma praça de pedágio na RS-118, prevista no Plano de Concessão do governo do Estado, foi outro tema abordado. A reunião contou com a participação do deputado estadual Tiago Simon e representantes da Federasul, que debateram o assunto sobre a cobrança tarifária em perímetro urbano. A Granpal irá analisar o tema.

Após diversas reuniões com o governo do Estado, a Granpal conseguiu adiar a entrada em vigor do Programa Assistir na Saúde. As verbas destinadas à área permanecem no patamar atual até o final de junho deste ano. Depois,  está prevista uma redução de 17% no orçamento — ainda assim, muito menor do que o que havia sido proposto em agosto do ano passado pelo Estado. Apesar da vitória política, os prefeitos seguirão mobilizados.

– Vamos lutar para zerar as perdas. Inclusive vamos solicitar que o Fórum da Saúde estude e aponte como os municípios e hospitais podem credenciar novos serviços e evitar cortes – disse Melo.

Um seminário para discutir ações, alternativas e intervenções que possam ser feitas nas bacias do Sinos, Gravataí e Guaíba para combater a estiagem será realizado pela Granpal. Uma equipe está organizando o encontro, previsto para acontecer em abril. Outras iniciativas estão em curso.

O CEO do Instituto Caldeira, Pedro Valério, também participou da Assembleia. Ele apresentou ações que estão sendo construídas pelo Instituto — vinculadas a tecnologia e inovação — e que podem interessar à Granpal. 

– Estamos articulando visitas nos principais ecossistemas de inovação do mundo e do Brasil. Precisamos entender como outras cidades se constituíram e como podemos usar a tecnologia para mudar a vida das pessoas – afirmou. 

Valério fez o convite para que a Granpal integre as missões previstas e auxilie na formulação de agendas. Já estão confirmadas idas ao Vale do Silício, Israel e Portugal.

A preparação para a participação dos municípios da Região Metropolitana no South Summit 2022, em maio, em Porto Alegre, está a todo vapor. O evento, considerado um encontro global de inovação, é uma oportunidade para novos negócios, capacitações e conexões entre executivos, investidores, profissionais e estudantes.

O Fórum de Inovação, que tem a participação dos secretários de inovação da Granpal, está criando um documento, que será entregue aos investidores presentes. O objetivo é mostrar as potencialidades da Região, como os ativos econômicos, as vocações e o potencial de cada uma das 19 cidades que compõem a entidade.

 

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Emocore Rave

Expansionismo genético Votem no clichê sagrado Em edição americana Sempre haverá uma Salém Ossos no fundo do poço Carne new wave Emocore rave Para o mal Para o bem.

Leia mais »