serviços

Na 1ª DP: Gravataí recebe cartório especializado no atendimento a idosos

O prefeito Luiz Zaffalon recebeu, em seu gabinete, em alusão ao dia Internacional do Idoso, ocorrido no dia 1º de outubro, o delegado regional de Gravataí, Juliano Ferreira, que comunicou a instalação de um cartório especializado no atendimento a idosos. O serviço deve iniciar, nesta semana, junto à 1ª Delegacia de Polícia (DP), localizada no centro da cidade. O anúncio foi acompanhado por representantes do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa (CMDPI) e de secretarias do governo municipal.

– É uma grande qualificação no atendimento dos idosos da cidade que sofrem diversos tipos de violência – disse Zaffa.

Ele lembrou que a Prefeitura de Gravataí, por meio da Assessoria de Políticas Públicas para o Idoso, da Secretaria Municipal da Governança e Comunicação Social (SGCOM) e dos serviços das secretarias da Família, Cidadania e Assistência Social (SMFCAS) e da Saúde (SMS), assim como o CMDPI, realiza um papel importante na rede de proteção destas pessoas, muitas vezes violentadas pela própria família.

– Tenho a convicção de que conseguiremos encaminhar, de maneira mais efetiva, as vítimas que, por ventura, realizarmos a identificação nos nossos serviços.

O delegado lembrou que este é um primeiro passo que a Polícia Civil está dando, após receber os pedidos de diversos órgãos ligados à causa. Ele comentou que, atualmente, apenas Porto Alegre e Caxias do Sul possuem uma delegacia especializada para idosos.

– Para que o serviço seja efetivo na comunidade, estamos realizando um treinamento com os policiais da 1ª DP e contamos com o apoio de toda a rede de proteção dos idosos para que possamos realizar um bom trabalho – disse o delegado, lembrando que o papel da Brigada Militar (BM) e da Guarda Municipal (GM), também, será de extrema importância, assim como, dos serviços e do Conselho Municipal de Proteção ao Idoso (CMDPI), para que o idoso se sinta confiante para denunciar.

Também participaram do encontro, o secretário da SGCOM, Airton Leal, o secretário da SMFCAS, Luís Stumpf, o assessor de políticas públicas para o idoso Clóvis Evangelista, a coordenadora do Centro de Atenção à Saúde do Idoso Silvia Andrade e a presidente e vice-presidente do CMDPI, Kátia Paim e Marlene Espíndola, respectivamente.

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Emocore Rave

Expansionismo genético Votem no clichê sagrado Em edição americana Sempre haverá uma Salém Ossos no fundo do poço Carne new wave Emocore rave Para o mal Para o bem.

Leia mais »