a poesia do cidade

Gerenciando meu ego e minha tristeza

Pulo do céu

Gerenciando meu ego e minha tristeza

Não tem plano de contenção

Não tem plano de vôo

Não tem seguro

Meu cérebro passou a noite me dando murros

Minha garganta deixando os urros pequeninhos

Sussurros smurfs fadinhas felpas faquinhas

A bondade social introduz a paranoia

Olha o chão aí!

 

Assista ao vídeo-poema A vida nem sempre está ao seu lado

 

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Emocore Rave

Expansionismo genético Votem no clichê sagrado Em edição americana Sempre haverá uma Salém Ossos no fundo do poço Carne new wave Emocore rave Para o mal Para o bem.

Leia mais »