bem-estar animal

Fim das carroças: Prefeitura de Gravataí dá segmento na etapa de cadastramento de condutores

Mudar de vida é a principal inspiração para Eduardo Britto dos Reis se cadastrar como condutor de Veículo de Tração Animal (VTA) junto à Prefeitura de Gravataí. No decorrer da Lei Tubiana (Lei Municipal 4391/2021), o município, além de proibir a circulação dos VTAs na zona urbana, disponibilizará alternativas de sustento e capacitação profissional para os usuários.

Agora cadastrado, Eduardo será acompanhado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Sustentabilidade e Bem-Estar Animal (Sema) e terá acesso às políticas públicas que serão ofertadas ao longo dos próximos meses.

– Queria aproveitar esta oportunidade para dar continuidade aos estudos e ingressar em cursos de capacitação – ressaltou. 

A etapa de cadastramento segue sendo realizada pela Sema nas próximas semanas. Na terça e na quarta-feira, 15 e 16, a ação ocorre na Avenida Antônio Carlos Jobim, próximo à ERS-118, das 14h às 16h.

Vale ressaltar que os condutores que não residem nestas localidades deverão aguardar até que o serviço chegue em sua região. Todas as informações sobre as próximas atividades serão divulgadas, previamente, nas redes sociais da prefeitura. 

O titular da Sema, Paulo Moreira, ressaltou que é fundamental que os condutores participem destas etapas de cadastramento, pois, somente desta forma, será possível que o governo municipal identifique as particularidades e demandas de cada usuário.

– Estamos dispostos a ouvir as solicitações de cada condutor. Somente assim conseguiremos estabelecer alternativas para o reingresso no mercado de trabalho para estes profissionais.

 Já o diretor de Bem-Estar Animal da Sema, Diogo Castilhos, lembrou a importância de proibir a circulação dos VTAs nas zonas urbanas como alternativa para inibir os maus tratos aos cavalos.

– Todos os meses nos deparamos com diversas situações de crueldade sofridas pelos animais. Muitos trabalham até à exaustão e depois são abandonados. Esta lei tem como função garantir mais dignidade para estes cavalos, mas sem desassistir as famílias que dependem desta forma de sustento.

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Emocore Rave

Expansionismo genético Votem no clichê sagrado Em edição americana Sempre haverá uma Salém Ossos no fundo do poço Carne new wave Emocore rave Para o mal Para o bem.

Leia mais »