crise do coronavírus

Covid: estão mentindo para mães e pais de Gravataí e Cachoeirinha sobre a vacinação de crianças

Estão mentindo descarada e criminosamente para mães, pais e famílias de Gravataí e Cachoeirinha sobre a vacinação de crianças contra covid-19.

Não os governos, mas no Grande Tribunal das Redes Sociais, os desinformados e informados do mal, e milicianos digitais, voluntários ou involuntários.

Participo de grupos de WhatsApp e Facebook com centenas de pessoas e nesta semana postagens questionam a vacina e relatam inclusive casos de mortes de crianças.

Tem desde uma montagem de uma falsa coluna de Drauzio Varella, com alerta para formas de buscar socorro para crianças com reações graves à vacina, o que o médico nunca publicou, até vídeo de criança caindo aos pés dos pais numa fila de aeroporto “após tomar a vacina”.

Tudo fake news.

O início dessa vergonhosa campanha de desinformação sabemos.

Para lamber botas do chefe, o ministro da Saúde – que é médico! – inventou a mentira de haver dúvidas sobre a segurança da vacina em adolescentes.

Também fez o que pode para adiar ao máximo a imunização na faixa de 12 a 18 anos e manter preocupadas famílias com a imunização de crianças de cinco a 11 anos.

Por que, como aí sim cobra o Dr. Drauzio, não lembrou que da aprovação pelo FDA americano, pela Agência Europeia, pela nossa Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e recomendada com ênfase pelo comitê de especialistas que assessora o ministério, por todas as sociedades médicas respeitadas e pela Academia Nacional de Medicina?

– Criar obstáculos para imunizar nossas crianças, no momento em que se dissemina uma variante tão contagiosa, é muito mais do que falta de escrúpulos, é crime – apela o médico.

O mesmo fez o presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres, hoje.

– O compartilhamento de notícias falsas é criminoso – disse o militar, em resposta às declarações falsas dadas por Jair Bolsonaro (PL) na quarta-feira.

O deprimente da república voltou a falar que a vacinação de crianças “não se justifica”, pois – MENTE ele – o índice de mortes de crianças para a covid "não é grande".

A covid está entre as 10 principais causas de óbito dos cinco aos 11 anos. Já tirou mais vidas do que a somatória de todas as mortes provocadas por doenças da infância para as quais existem vacinas.

Mentiu também quando disse que ministro do STF “esclareceu que a vacina, conforme despacho dele, não é obrigatória para crianças”.

Na verdade, Ricardo Lewandowski encaminhou ofícios aos Ministérios Públicos Estaduais para que os órgãos fiscalizem e multem pais que deixarem de vacinar seus filhos.

A imunização infantil obrigatória se baseia no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), seja para sarampo, pólio ou agora a covid.

Para acessar à íntegra da decisão clique aqui.

 

LEIA TAMBÉM

Os números da explosão da covid em Gravataí revelam uma boa notícia; A salvação em 0,5 mL

 

Ao fim, mamães, papais e responsáveis pelas crianças, não sejam enganados pelos criminosos – culposos ou dolosos – do zap-zap.

Em dúvida, consultem fontes oficiais, falem com as secretarias da saúde, com os médicos. Se houver algum de Gravataí e Cachoeirinha contra a vacinação me informe, para que eu mostre o CRM, entreviste e ouça as argumentações que contrariam a ciência mundial.

O meme perfeito é aquele que diz que esses covidiotas que mentem sobre a vacinação de crianças só existem porque suas mães não acreditaram no que espalhava gente como eles.

Politizar vacinação infantil não é chegar à beira do abismo. É já ter caído lá embaixo e restar olhando para cima.

Puxando nossas crianças pelos pés para desabar junto.

Espero que o MP de Gravataí e Cachoeirinha aja.

 

LEIA TAMBÉM

Zaffa, imite prefeito de NY e obrigue a vacina em Gravataí; A ditadura da vida

Gravataí e Cachoeirinha com transmissão comunitária da ômicron; É motivo para pânico? A ’ideologia da ciência’ responde

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Emocore Rave

Expansionismo genético Votem no clichê sagrado Em edição americana Sempre haverá uma Salém Ossos no fundo do poço Carne new wave Emocore rave Para o mal Para o bem.

Leia mais »