23 de outubro

141 anos de Gravataí: por que um prefeito ’trocou’ a data do aniversário para hoje

Gravataí completa neste sábado 141 anos de emancipação política e administrativa. Um decreto assinado pelo prefeito Marco Alba (MDB) em 2016 fez do 23 de outubro, oficialmente, a data de aniversário de Gravataí, com a fundação do município documentada em 1880 e não mais 1763 – um hiato histórico de 117 anos. 

Mas, conforme reportagem produzida pelo jornalista Silvestre Silva Santos para o Seguinte:, o prefeito não assinou um documento alterando o dia, mês e ano de fundação de Gravataí, desde sempre comemorados em 8 de abril, por um desejo meramente pessoal, sem fundamentação técnica e sem que houvesse um dedicado estudo a respeito do assunto.

E esta pesquisa foi, justamente, realizada por um servidor municipal aposentado, o historiador Getúlio Xavier Osório que mergulhou nos documentos disponíveis ao longo de aproximadamente três décadas, trabalho concluído no começo do ano de 2016.

Segundo o historiador realmente existe um documento dizendo que em 8 de abril o capitão Pinto Carneiro aportou pela aldeia com aqueles que dariam início ao povoamento de Gravataí.

Getúlio Xavier Osório alerta, entretanto, que nem mesmo esta data é confiável por falta de comprovação documental.

–­ O que houve durante muito tempo foi a interpretação equivocada de um destes documentos, pois há registros de ocupação e batizados indígenas na área de Gravataí datados de 1760 –­ explicou.

 

LEIA TAMBÉM

O POVOAMENTO DE GRAVATAÍ | A última missão – PARTE 1

O POVOAMENTO DE GRAVATAÍ | Surge uma aldeia – PARTE 2

O POVOAMENTO DE GRAVATAÍ | Personagens da Aldeia – PARTE 3

O POVOAMENTO DE GRAVATAÍ | A onda privatista – PARTE 4

 

Pela pesquisa do historiador, a emancipação política e administrativa de Gravataí aconteceu em 23 de outubro de 1880. Antes, em 11 de junho, foi redigida a oficialização da criação de Gravataí na forma de documento, desmembrando-se do território de Porto Alegre.

Naquela época prevalecia o regime político da Monarquia Parlamentar, em que o presidente da Câmara era quem governava.

–­ A Câmara de Vereadores de Gravataí foi constituída de forma oficial com a posse do presidente e do corpo legislativo, circunstância que oficializou a emancipação política e administrativa de Gravataí, em 23 de outubro de 1880 –­ contou o historiador.

 

Vídeo da Prefeitura explica a troca da data

 

Documentos oficiais reforçam a tese do historiador de que aniversário de criação de Gravataí é 23 de outubro, com a instalação da Câmara e posse de seus componentes.

Quanto ao 8 de abril, não existe nada que comprove a exatidão da data nem mesmo que se trata de um documento realmente escrito pelo capitão Pinto Carneiro, responsável por trazer os primeiros índios Guaranis para iniciar o povoamento da aldeia.

Já o 23 de outubro está registrado nos anais da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul como a data de criação do município.

 

: Reprodução do documento da Assembleia Legislativa disponível no Museu Municipal Agostinho Martha

 

QUEM GOVERNOU

Exerceram as funções de presidente do município os seguintes vereadores:

: 1880 – Major Bernardo Joaquim Ferreira

: 1883 – Coronel Antônio Rodrigues da Fonseca

: 1887 – Manoel Antônio Ramos

: 1888 – João Francisco Soares Lima 

: 1889 – Capitão Horácio Antônio Gomes

 

A partir de 1890 o Executivo passou a ser exercido pelos seguintes Intendentes:

: 1890-1891 – João Maria da Fonseca

: 1892 – Tenente-coronel Bernardo Joaquim Ferreira

: 1893 – Leonel de Vargas

: 1894-1898 – Capitão Juvêncio Xavier de Abreu

: 1899-1908 – Antônio Afonso de Jesus

: 1906 – Jorge Lessa – assumiu interinamente

: 1909-1912 – Ernesto Antônio Gomes

: 1913-1922 – João de Azevedo Barbosa Filho

: 1923-1926 – João de Azevedo Barbosa Filho (Reeleito)

: 1927-1930 – Demétrio Alves da Silva

 

A partir de 1930, assumiram os seguintes prefeitos nomeados:

: 1931 – João Candido Machado

: 1931 – 1933 – José Loureiro da Silva

: 1934 – 1935 – José Marques Viana

: 1936 – Vitor Hugo Ludwig

: 1937 – 1946 – Ary Tubbs

: 1946 – 1948 – Anápio Gomes

: 1949 – 1951 – Cincinato Jardim do Valle 

: 1951 – Acelyno Francisco de Medeiros – presidente da Câmara, exerceu o mandato por dois meses

 

Prefeitos eleitos pelo voto direto:

: 1952 – 1953 – José Linck

: 1954 – 1955 – Alcides Leal da Rosa

: 1956 – 1959 – Alfredo Emilio Allem

: 1960 – 1963 – José Linck

: 1964 – 1968 – Dorival Cândido Luz de Oliveira

: 1969 – 1972 – Lídio da Silveira Peixoto

: 1973 – 1976 – Dorival Cândido Luz de Oliveira

: 1977 – 1982 – Ely Francisco Correa

: 1983 – 1988 – Abílio Alves dos Santos

: 1989 – 1992 – José Mariano Garcia da Mota

: 1993 – 1996 – Edir Pedro de Oliveira

: 1997 – 2000 – Daniel Luiz Bordignon

: 2001 – 2004 – Daniel Luiz Bordignon (Reeleito)

: 2005 – 2008 – Sérgio Stasinski

: 2009 – 2011 – Rita Sanco (impeachment)

: 2011 – Nadir Rocha (interino em outubro)

: 2011 – 2012 – Acimar Silva (eleito em votação indireta pelos vereadores)

: 2013 – 2016 – Marco Alba

: 2017 – Nadir Rocha (interino entre janeiro e março)

: 2017 – 2020 – Marco Alba (Reeleito)

: 2021 – 2024 – Luiz Zaffalon

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade