Crise do coronavírus

CANOAS | Vereador de Canoas está internado por Covid-19; doença não escolhe lado

Vereador Emílio Neto está no sétimo mandato como vereador em Canoas e, atualmente, exerce a função de líder do governo. Foto: Reprodução Facebook

Líder do governo na Câmara, Emílio Neto positivou na terça-feira e estava em casa, isolado, até piorar na sexta-feira

A Covid-19 não escolhe quem derruba. A vítima da vez é o vereador Emílio Neto (PT), líder do governo na Câmara. Ele testou positivo para o novo coronavírus na terça-feira, quando participou da sessão de forma remota e avisou os colegas e assessores sobre o caso.

 

LEIA TAMBÉM

CANOAS | Se vacinas compradas pelo município forem da Pfeizer, ’superfreezer' está garantido

CANOAS | Antecipação e alinhamento: como Jairo Jorge prepara o governo para o pior momento da pandemia

 

Emílio também conversou com o blog na quarta-feira passada. Sempre solícito, se queixou apenas de cansaço. "Tenho dormido bastante, isso parece que não passa. Mas estou bem, um pouco de febre e a sensação de uma gripe bem forte", contou. Na quinta, ele voltou a participar da sessão que aprovou a contratação de mais 300 profissionais da saúde e a autorização para compra de vacinas contra a Covid-19 – tudo de forma remota.

Na sexta, amigos confirmaram que a esposa de Emílio também havia testado positivo para Covid-19, mas está bem, em casa e com poucos sintomas. Os filhos do vereador fizeram o testo, mas o resultado foi negativo. Ainda na sexta, Emílio teve que se socorrer ao Hospital Nossa Senhora das Graças, já com um quadro de falta de ar. Ele segue internado desde o final de semana monitorando a saturação de oxigênio, que indica a necessidade de uso do respirador ou algum outro procedimento.

Nas redes sociais, a última postagem de Emílio é da tarde de domingo, informando justamente sobre os números da Covid-19 em Canoas apurados pela Prefeitura.

Além de Emílio, o vereador Cris Moraes (PV) também testou positivo para Covid-19. Ele, no entanto, está sem sintomas há mais de um dia e se recuperando em casa. Jefferson Otto (PSD) foi o primeiro parlamentar canoense a confirmar a infecção pela doença mas não desenvolveu mais do que sintomas leves e já retomou o trabalho normalmente.

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade