Pinga-fogo

CANOAS | Coluna de quinta: Nereu presidente; Busato e Leite; a ’lei do gatilho’ de volta e mais

Na estreia da 'Coluna de quinta', um pinga-fogo da política da Aldeia no blog do Seguinte:

Nereu presidente do PSL

Nem deu tempo de Ruy Irigaray esquentar a cadeira de presidente estadual do PSL e o deputado federal Nereu Crispim voltou ao cargo. Comissão provisória é assim: muda quando precisa, precisa quando quer. A aposta de Luciano Bivar, presidente nacional da sigla e dono da caneta de prata no partido, é o fortalecimento no Interior e a formação de candidaturas para 2022. Se vai descontentar figurões? Provavelmente vai. E daí? A maioria deles admitiu deixar o partido quando o presidente Jair Bolsonaro ameaçou com a Aliança Brasil… Bivar agora lhes dá o direito de espernear. O PSL quer ser a grande força da Direita no Estado na próxima eleição.

 

Leite a espera de Busato

O governador Eduardo Leite (PSDB) só aguarda o retorno de Luiz Carlos Busato (PTB) das férias para convidá-lo para um café. Sem pressa e com a famosa mineirice tucana, Leite vai convidar o ex-prefeito para o primeiro escalão no governo do Estado – provavelmente, Obras. A costura vem feita a quatro mãos pelo deputado estadual Dirceu Franciscon e por ninguém menos do que o vice-governador Ranolfo Rodrigues – ex-secretário de Busato em Canoas e morador do Vale dos Sinos, que deve muito da carreira política ao político canoense.

 

A polêmica do déficit

O jornalista Marco Leite comentou uma bola que pica na grande área: e se houvesse um debate entre o atual secretário do Fazenda, Luiz Davi Siqueira, e seu antecessor, João Portella, sobre os números do déficit de 2020 e o que disso restou para 2021? O assunto já teria batido às portas da CICS e demais entidades preocupadas com o futuro da cidade e uma eventual guerra de versões.

 

ISS com gatilho para alíquota menor 

Jairo Jorge disse, em entrevista ao jornalista Marcus Meneghetti do Jornal do Comércio, que deve retomar o gatilho para o ISS, o Imposto Sobre Serviços, vigente até 2016. "Mandarei para a Câmara Municipal o projeto. Essa lei permitiu que a gente trouxesse para Canoas mais de 10 mil empresas na área de prestação de serviços, que é um setor bastante beneficiado pela redução de ISS", disse o prefeito. Naquela época, a alíquota do ISS caiu um terço e a arrecadação chegou a 104%, informa Jairo.

 

O desafio bolsonarista de Simone Sabin

Secretária de Desenvolvimento Econômico Simone Sabin, que defende Bolsonaro desde sempre, tem o desafio perfeito em mãos: entregar as liberações para a construção da Havan e para abertura da loja em tempo recorde. Luciano Hang quer abrir as portas do empreendimento com a tradicional réplica da Estátua da Liberdade até a Páscoa: 60 dias ou menos. E contando.

 

Os estrangeiros no governo

Jairo Jorge (PSD) quer e será a referência do partido na região metropolitana. Montou o governo com arranjos locais, trouxe de fora figuras como o ex-prefeito de Sapucaia, Luis Rogério Link, mas trouxe também gente do PSD de Viamão, Alvorada, Gravataí, Porto Alegre e até de Santa Cruz do Sul. O 'cinturão metropolitano' estende-se além da metrópole.

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade