Crise do coronavírus

CANOAS | Antecipação e alinhamento: como Jairo Jorge prepara o governo para enfrentar o pior momento da pandemia

Em nova live, prefeito Jairo Jorge e os secretários de Saúde, Maicon Lemos, e de Governança, Felipe Martini, explicaram as novas regras de distanciamento com os protocolos da bandeira preta em Canoas. Foto: Reprodução

Cidade está próxima de esgotar capacidade de ampliação de leitos e, hoje, não há UTI disponível para novas internações

Estoque de oxigênio, ampliação de leitos e acolhimento 'custo zero' com a ajuda das Forças Armadas de um lado, apoio às medidas do Estado de outo: é assim que Jairo Jorge (PSD) prepara o governo para enfrentar o 'iceberg' em que a pandemia do novo coronavírus se transformou às vésperas do primeiro aniversário. Nesta sexta-feira, 26, pouco antes da live em que explicou as regras da bandeira preta para Canoas que valem a partir da meio-noite deste sábado, o prefeito conversou com o blog – por aqui, conto e analiso o que ouvi.

 

LEIA TAMBÉM

CANOAS | Cogestão suspensa, o que muda em Canoas; o que pode e o não pode na bandeira preta

CANOAS | Pelas contas do Estado, perderemos 30 vidas para a Covid, por dia

 

A estratégia do governo parece clara: antecipar o que for preciso, ampliar ao limite a capacidade hospitalar sem pirotecnias e alinhar-se ao Estado na política das bandeiras. Não que Jairo seja fã da bandeira preta; mas entende que sem um coesão nas informações que população recebe, não haverá avanço. "Minha proposta era a de um lockdown noturno, entre 18h e 6h da manhã", diz o prefeito. "Para mim, o problema não está no comércio aberto, nem nas empresas. Está na aglomeração por lazer. Quem trabalha usa máscara mas quem vai para o bar, beber ou comer, não".

"Já que a região não chegou a um entendimento, uma vez que Porto Alegre preferia não ter entendimento algum, o governador exerceu o dever dele e suspendeu a cogestão. Nós acatamos e vamos trabalhar para que funcione. Não podemos ficar esperando o pior para depois agir", avança.

Aliás, aqui cabe um comentário. Na visão do prefeito, um fecha-tudo geral não é a solução para o momento. "O comerciante não sobrevive mais uma semana, duas, um mês fechado. E isso precisa ser considerado", diz o prefeito. A conversa, por óbvio, sugere que o foco da fiscalização deve ser os 'bailinhos da covid' que muita gente vai achando que ninguém está reparando.

Ainda na lógica do 'faz antes para não ser pego de surpresa depois', Canoas já adquiriu dois tanques de oxigêncio que foram instalados nas UPAs Boqueirão e Rio Branco. 14 leitos de enfermaria foram abertos nesta sexta no Hospital Universitário e os 45 anunciados para o Graças estão em reforma "dia e noite", conta o prefeito. Serão abertos imediatamente assim que ficarem prontos, semana que vem. E na UPA Rio Branco, um pedido às Forças Armadas garantiu a montagem de um barracão para organizar o atendimento dos pacientes. "Havíamos feito um orçamento e a empresa pediu R$ 38 mil por dia. Isso daria R$ 1 milhão por mês. Falei com o brigadeiro Mauro Bellintani que prontamente nos ajudou", conta Jairo.

"Vamos viver no próximo mês o pior momento da pandemia, está acontecendo no Brasil inteiro. Tínhamos 43 UTIs/Covid e já abrimos 51. São 94 e estão todas cheias. Há pacientes na fila de espera. Leitos de enfermaria também estão se esgotando. E o Estado está tendo dificuldades para nos enviar insumos para as novas UTIs, por exemplo. Não está fácil comprar porque todos querem ao mesmo tempo", avalia Jairo Jorge.

Vacinação Drive Thru

Neste sábado, o governo repete a ação que fez sucesso na semana passada: o drive thru de vacinação para idosos. A ação acontece entre 8h e 17h no estacionamento do Parque Eduardo Gomes somente para idosos acima dos 80 anos, residentes em Canoas, para primeira dose da vacina. Serão aplicadas 2,3 mil doses por ordem de chegada e com distribuição de senhas. É preciso apresentar documento de identidade e comprovante de residência no município para ser imunizado.
 

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade