crise do coronavírus

COVID: 9999 infectados antes do Ano Novo e UTIs lotadas como festa de Neymar em Gravataí

Foto ROVENA ROSA | Agência Brasil

Gravataí vai chegar aos 10 mil infectados pelo novo coronavírus ainda hoje, como antecipei em COVID: Semana ultrapassa 10 mil casos na Gravataí das UTIs lotadas; É bom dar bola. Acaba logo, 2020! São indicadores sem a totalidade da COVID de Natal e Ano Novo.

Quando começo a escrever este artigo há 9.999 casos e 235 vidas perdidas desde 22 de março. A média dos últimos 30 dias é de um caso a cada 3 horas e uma morte a cada 2 dias.

As UTIs seguem tão lotadas quanto festa de Neymar. Na Região 10, de Gravataí, a taxa de ocupação é de 82.8%. Ainda não supera os 83,4% de uma semana atrás, mas, possivelmente efeito das aglomerações de compras e festas de Natal, já deixa no passado a melhora que reportei domingo, e era o melhor índice de dezembro – 79.3%.

As UTIs de Gravataí, no Hospital de Campanha (HC) de Gravataí e no Dom João Becker (HDJB), também tem tanta gente quanto na Praia do Rosa. Dos 19 leitos, 17 estão ocupados. 15 dos 25 respiradores estão em uso. 15 dos 22 leitos de recuperação tem pacientes.

As 9 UTIs não-covid também estão ocupadas e há 39 pacientes para 14 leitos de enfermaria, o que significa pessoas em macas, cadeiras de rodas, sentados no chão ou escorados na parede.

Enquanto pesquiso os números da pandemia, o UOL, que é a maior empresa brasileira de conteúdo, noticia que, após minimizar mais uma vez a demora para o Brasil ter vacinas, o deprimente da república jogou com atletas, ex-atletas, dirigentes e músicos na Vila Belmiro, em Santos (SP), com transmissão ao vivo pela TV Brasil.

“Bolsonaro ficou em campo durante alguns minutos e marcou um gol, depois de receber um cruzamento na pequena área. O presidente foi abraçado por companheiros e comemorou o gol fazendo o gesto de armas com as mãos, popularizado durante sua campanha à Presidência”, diz a reportagem.

CLIQUE AQUI para ver o gol narrrado por Datena, na Band TV.

Eu narraria assim:

– Gooool de Bolsonaro na Vila Belmiro; no placar do Brasil 192.981 óbitos e 7.577.890 infectados!

Proponho um desafio de lógica: imagine se Gravataí fosse um país e, enquanto pessoas sofrem ou morrem com uma pandemia, e há uma alternativa, que é a vacina, o prefeito Marco Alba estivesse jogando uma pelada no campo do Bagé – e dizendo que não há pressa para vacinação.

Você comentaria o quê no Grande Tribunal das Redes Sociais?

Ao fim, reputo o símbolo de 2020 o ‘mito’ ter tropeçado e caído ao fazer o gol, aproximando a boca do gramado, como mostra o vídeo abaixo. 

 

 

 

LEIA TAMBÉM

Como ficaria Gravataí com bandeira preta após Natal e Ano Novo; 10 mil casos antes de 2021 e a culpa dos políticos e dos covidiotas da mesa ao lado.

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade