opinião

A lambança de Cláudio Ávila; apagooou!, apagoooou!

Cláudio Ávila é advogado

Em política, as redes sociais não são brinquedo de criança. Há força nas palavras de pessoas públicas. Se Macron posta uma foto fake sobre a Amazônia, repercute, porque é um presidente. Se Bolsonaro compartilha meme sobre a esposa do francês ser 24 anos mais velha, passa vergonha mundial. Se Witzel comemora sobre cadáveres, haverá quem entenda como uma autorização para matar.

Por que em Gravataí seria diferente? Em nosso micromundo da política, o que alguém posta também grita. Quando posta, e quando apaga. A última é de controversa personagem. O velho Cláudio Ávila DA guerra voltou. Como a cada eleição, belicoso – como não vinha sendo.

O advogado autor do golpeachment que derrubou Rita Sanco em 2011 e da defesa que salvou Miki Breier em 2019 metralhou o teclado no Grande Tribunal das Redes Sociais. As diatribes tem repercussão não porque Ávila tenha mandato, o que não tem, ou tenha votos, o que também não tem. E sim porque é um dos principais articuladores da campanha de Dimas Costa à Prefeitura, em 2020.

Não vou reproduzir os xingamentos e denúncias rasteiras, que miraram Marco Alba (MDB) e Anabel Lorenzi (PDT) – a quem Ávila apoiou num passado recente, em que também foi vice de Daniel Bordignon – e hoje são adversários de Dimas.

Num dos post, fez selfie com indicado na Prefeitura pelo DEM, do vereador Evandro Soares, desafiando o prefeito a demitir o CC, porque estariam juntos na próxima eleição.

Após os 10 minutos de surto virtual, Cláudio Ávila apagou as postagens – e justificou ter deletado um deles, que reproduzo porque faz apenas críticas política, sem baixarias ou acusações sem provas, e merece ser detalhado, já que no jogo proposto pelo advogado, é arminha no pé:

– A pedido do meu sócio, apaguei o post da eterna terceira colocada. Mas não passará disso, não tenho dúvidas.

O sócio é Ricardo Cesar, amigo de Anabel. Mas não duvido que, na leitura política que não permite bons pensamentos, muita gente possa ter entendido que o ‘sócio’ é Dimas. Ruim, não?

Para mesmerizar a lambança, Dimas e Anabel tinham trocado provocações em posts na semana passada. Subliminarmente, mas óbvios para quem acompanha a política em Gravataí. Ela compartilhou resposta que enviou ao Seguinte:, justificando não ter apagado post ao estilo ‘Lula livre’ a pedido de Daniel Bordignon, Rosane Bordignon ou Dilamar Soares, como especulei, mas sim porque queria compartilhá-lo em outro grupo, em não em seu perfil pessoas.

E garantiu que não ficaria “atrás do muro”, como sempre descrevo a posição pública de Dimas nas eleições presidenciais do ano passado. Está lá, nos artigos  Anabel também vai para trás do muro? Postou e apagou Lula e O sincericídio de Anabel; atrás do muro, não!.

Minutos depois, o vereador fez post em seu perfil de Facebook, que você lê clicando aqui, insinuando que o debate ideológico não importa, e sim Gravataí “sem médico, creche e sem esgoto”. Concluiu a postagem debochando:

– Esse post não será apagado!

Como na premonição de que aliados tinham pedido para Anabel apagar o post sobre Lula puxei o estilo ‘Pai Merdanelles’ – aquele que faz previsões não em búzios ou na borra do café, mas sim na espuma da cerveja e na cinza do cigarro (ah, e também em mais de duas décadas de crônica política na aldeia) – faço o mesmo sobre a molecagem de Ávila:

– Dimas pediu para o amigo apagar.

Sim, porque se o candidato a prefeito concorda que o tom da campanha seja aquele digitado por Ávila, Gravataí vai de pior em mal. Policial malvado, policial bonzinho, ou capuz para dias de chuva excelente para dias de sol é a fórmula da mais 'velha política' – não é assim que hoje os próprios políticos adoram adjetivar aquela que é uma das mais velhas profissões?

Como o futebol, a política não perdoa erros, se em 94 Galvão gritava "acaboooou, acabooou", hoje adversários de Dimas tocam flauta: "apagooou, apagooou…"

Ao fim, bom que apagou. Mas é dos Grandes Lances dos Piores Momentos.

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade