Nova secretária

CANOAS | JJ confirma Beth: ’queremos estar entre as 50 cidades que mais avançam na Educação’

Professora de formação, Beth assume cargo que já ocupou no governo Lagranha e retorna ao dia a dia da política local. Foto: Arquivo

Terminou o mistério: Beth Colombo será a nova secretária de Educação em Canoas; missão da ex-vice é técnica e política

Beth Colombo volta ao paço na próxima segunda-feira, 7. Dessa vez não como vice-prefeita, mas para assumir a Educação. Ela aceitou o convite que o prefeito Jairo Jorge lhe fez ainda no final de semana do feriado de carnaval, mas só confirmou a indicação ao meio-dia desta sexta-feira, 4. "Recebi e aceitei", disse, em mensagem ao blog.

Jairo conta que a construção que levou ao nome de Beth passou por uma longa conversa com ela, que tinha a intenção de concorrer a deputada estadual pelo Republicanos em outubro. Em seguida, o partido também foi ouvido. "Demos a ela o tempo necessário para ser uma construção sólida", diz o prefeito. "É uma missão nobre e confio muito na Beth e na capacidade que ela tem".

 

LEIA TAMBÉM

CANOAS | Menos de metade das crianças tomaram a vacina a quatro dias de voltar às aulas; 17 mil adultos 'esqueceram' a D2

CANOAS | Mesmo com flexibilização do Estado, prefeitura continuará exigindo aluno de máscara; o óbvio e a prevenção

 

Tecnicamente, o cargo não é novidade na vida da professora Beth Colombo. Ela já ocupou o posto no governo de Hugo Lagranha, no final da década de 90. Depois, foi vice-prefeita e secretária da Saúde. O desafio de Beth, agora, é político: comandar o maior orçamento da cidade ao mesmo tempo em que resgata um relação de diálogo com o professorado, nas escolas.

"A Beth tem essa liderança, essa capacidade de diálogo", avalia Jairo.

A primeira e mais importante missão da nova secretária será iniciar o ano letivo na próxima semana com foco na recuperação das perdas de aprendizagem em razão da pandemia. Para isso, Jairo informa que o governo vem investindo pesado na oferta de equipamentos e insumos para Educação. "Compramos 300 telas interativas e 4 mil cromebooks, temos seis escolas em construção e disponibilizamos a inscrição para 2,2 mil professores adquirirem seus computadores", lembra. 

"Temos uma meta ousada: estar entre as 50 cidades brasileiras que mais avançaram em Educação", adianta o prefeito. "Hoje, estamos em penúltimo na Região Metropolitana", compara.

Agora, está tudo nas mãos da Beth.

 

 

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade