Novelão Sogal

CANOAS | Em carta aberta, motoristas e cobradores da Sogal ameaçam parar por salários atrasados

Se confirmada, não seria a primeira paralisação do ano na Sogal - mas a primeira informada por carta aberta à população. Foto: Arquivo Seguinte

Funcionários pedem compreensão da população e dizem que há colegas há 45 dias sem receber

A novela da crise na Sogal ganhou um novo capítulo nesta sexta-feira, 10. Em carta aberta à população, o Sindicato dos Rodoviários pediu a compreensão da população para o risco de uma parada iminete no transporte coletivo. O motivo: o atraso nos pagamentos dos salários que, segundo eles, chega a 45 dias.

"Os trabalhadores da Sogal, pais e mães de família, vem há anos recebendo os salários e demais benefícios de forma atrasada", afirma a carta. "Atualmente, estando com mais de 45 dias sem receber qualquer valor além de férias atrasadas e impagas".

 

LEIA TAMBÉM

CANOAS | Com novo decreto, Educação espera avanço no ensino presencial

CANOAS | A assinatura de um contrato em Guarulhos tem mais a ver com o jeito com que nos movimentamos em Canoas do que se imagina

 

O documento diz que as tratativas com o Executivo e o Legislativo "não tem obtivo o êxito na solução dos problemas" e que, sem salário, a situação está insustentável, "causando problemas financeiros, sociais e psicológios" às famílias rodoviárias.

A carta é concluída informando que os serviços serão paralisados até que se ache uma solução – mas não diz um data em que a paralisação começa. Vale lembrar que há um acordo entre empresa, sindicato e governo para um período sem greve. O acordo foi assinado em julho e o prazo expira em 20 de setembro. Na segunda-feira, governo, empresa e rodoviários voltam a se encontrar em nova reunião de mediação no Ministério Público do Trabalho – e o assunto greve, então, será pautado.

A prefeitura não recebeu ainda a informação oficial sobre a possibilidade de greve dos rodoviários e disse que só vai se manifestar se for comunidada.
 

 

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade